sábado, 27 de fevereiro de 2016

Universidade Lusíada de Lisboa, contentor para a recolha de roupa e de têxteis lar

No âmbito do projeto coordenado pelo Confrade Prof. Arq. Mário Chaves, Assessor do Secretário do Conselho da Assembleia dos Cavaleiros Portugueses da Ordem de Malta e financiado através do "Global Fund For Forgotten People" foi colocado, na Universidade Lusíada de Lisboa, um contentor para a recolha de roupa e de têxteis lar.
Esta iniciativa irá permitir a distribuição dos bens recolhidos pelas Instituições carenciadas que a Ordem de Malta auxilia, nomeadamente a Casa dos Rapazes, Centro Social do Menino de Deus, Residência de Velhinhos de Campolide e Carnide e a Instituição Cotolengo do Padre Alegre.

Distribuição de bens alimentares e de higiene a várias Instituições

No âmbito do projeto coordenado pelo Confrade Prof. Arq. Mário Chaves, Assessor do Secretário do Conselho da Assembleia dos Cavaleiros Portugueses da Ordem de Malta e financiado através do "Global Fund For Forgotten People" (Fundo Global para Pessoas Esquecidas) continua a ser feita regularmente a distribuição de bens alimentares e de higiene em algumas Instituições Carenciadas, entre elas a Instituição Cotolengo do Padre Alegre e Centro Social do Menino de Deus. 
Este apoio regular concedido pela Ordem de Malta têm-se revelado cada vez mais importante para estas Instituições que atravessam grandes dificuldades.

CVOM desenvolve cooperação em projecto de apoio aos "sem abrigo" no Porto

Desde o início do mês de Fevereiro que o CVOM colabora com o grupo "Anjos Amigos" numa ação semanal de apoio junto dos mais desfavorecidos na cidade do Porto.
O CVOM mais vocacionado para o apoio sanitário, desenvolve o apoio de enfermagem e apoio médico, acompanhando as equipas de trabalho na rua.
É um trabalho muito importante para os mais desfavorecidos que lhes permite algum conforto e acima de tudo uma visita de amigos.

Poderá ver a reportagem feita pela SIC em:

quarta-feira, 24 de fevereiro de 2016

Procissão do Senhor dos Passos da Graça

No domingo, dia 21 de Fevereiro, realizou-se a 329ª Procissão do Senhor dos Passos da Graça, sendo o 4º ano consecutivo que a Real Irmandade dos Passos da Graça a organiza com o percurso original e presidida por Sua Eminência, o Cardeal Patriarca, D. Manuel Clemente.
A Procissão do Senhor dos Passos da Graça contou com a participação de inúmeros convidados, entre eles, cinco Vereadores da C.M.L e representantes da Mesa da Santa Casa da Misericórdia de Lisboa. Na procissão esteve representada a Assembleia dos Cavaleiros Portugueses da Ordem de Malta bem como membros das Ordens do Santo Sepulcro, Nossa Senhora da Conceição de Vila Viçosa, Constantiniana de São Jorge, Santa Isabel, a Real Hermandad de Infanzones de Illescas, a Irmandade do Santíssimo Sacramento da Sé Patriarcal, a Irmandade do Senhor dos Passos de Alenquer, os Grifos (antigos paraquedistas) e a Irmandade de São Roque que ajudou na organização desta Procissão.
No final da Procissão, Sua Eminência Reverendíssima, o Sr. Cardeal Patriarca D. Manuel Clemente, coroou uma bonita e muito antiga Imagem de Nossa Senhora da Graça há pouco restaurada e que poderá ser venerada na Igreja da Graça.
Sua Eminência entregou ainda as respetivas insígnias aos irmãos da Irmandade da Misericórdia e de São Roque que ingressaram naquela ocasião na Real Irmandade dos Passos da Graça.


40 anos do CVOM, SARAU Comemorativo


sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Missa de Sufrágio por Sua Majestade o Rei Dom Carlos e Sua Alteza Real o Príncipe Dom Luís Filipe

No passado dia 1 de Fevereiro a Real Associação de Lisboa mandou celebrar, como habitualmente, Missa de Sufrágio por Sua Majestade o Rei Dom Carlos e Sua Alteza Real o Príncipe Dom Luís Filipe, presidida por S.E. o Senhor Cardeal Patriarca de Lisboa, D. Manuel Clemente, Capelão Grã Cruz Conventual “Ad Honorem” da Ordem de Malta, na Igreja de São Vicente de Fora, em Lisboa.
A Ordem Soberana Militar de Malta fez-se representar nesta cerimónia com uma delegação de 14 Cavaleiros.
Igualmente a Real Associação do Porto mandou  celebrar Missa de Sufrágio, na Igreja de São José das Taipas, na Cordoaria, onde a Ordem de Malta esteve presente com uma delegação significativa.